Quem sou eu

Minha foto
Não, este post não é para você. Não, não... essas palavras não são indiretas, apesar de serem bem diretas. Não é para ele, ou para ela. Não. Eu não escrevo para um indivíduo em especial ou para personagens aleatórios, o trecho dessa música não foi pensando nele, entenda - Há alguém, mais do que qualquer outra pessoa, que me interessa ver minhas mensagens. Há uma única pessoa que eu desejo que veja o que eu escrevo, e lembre, e veja, e sinta, o que eu senti quando escrevi. Há alguém que eu quero que lembre de mim, e este alguém sou eu. Luciana Fonseca ;D

terça-feira, 31 de maio de 2011

Você ía gostar menos ainda da minha sinceridade.


-Por que é que você não gosta de mim? – Perguntou Beny
-Quem disse que eu não gosto? Eu adoro você! – disse Lena.
-Eu não gostei da sua ironia!
-Você ia gostar menos da minha sinceridade.

[ Aos Meus Amigos - Maria Adelaide Amaral, página 132
Blog POEIRA FINA ]

10 comentários:

  1. Eu to meio lento... ou não entendi...kkk

    ResponderExcluir
  2. Mentiras necessárias!

    ResponderExcluir
  3. Ta... entendi agora... e to bem lento... rs

    ResponderExcluir
  4. Denovo por aki coroinha? Passa o dia apertando F5?

    ResponderExcluir
  5. Tamo ai sempre... kkkk

    ResponderExcluir
  6. Sinceridade em relacionamentos parece meio que utópico e desconexo quando se dá total confiança ao outro, portanto se ame mais e se deixe ser sincero pelo o amor.

    ResponderExcluir
  7. ' Mentiras sinceras me interessam', né primo?
    ;*

    ResponderExcluir
  8. Muitos não, foram 2 , mais to apagandoo '
    aaa, mais eu cito o seu blog sim !

    ResponderExcluir
  9. ai sou tão contra mentirinhas....
    é complicado
    trendluxo.blogspot.com

    ResponderExcluir

Que achou? ;D